DESTAQUES

SindsaúdeBa apoia ações para Campanha Contra Aedes Aegypti.

Nesta quinta-feira (9), no Auditório da Escola de Enfermagem o SindsaúdeBa marcou presença na reunião do comitê de ação da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVEP), a reunião sobre a prevenção e controle das arboviroses, na oportunidade, apresentaram um cronograma de ações coordenadas por várias entidades a nível estadual. A reunião durou todo o dia, com levantamentos e propostas de ações para curto e médio prazo de impactos reais para a sociedade.

O Controle do Aedes Aegypti, bem como outras doenças que atrelam ao mosquito, junto com ações de mobilização contra o mosquito, entre outras estratégias voltadas ao período de maior sazonalidade destes agravos. “O SindsaúdeBa se preocupa com as políticas públicas de prevenção, onde nós do setor saúde precisamos somar e ajudar nas ações em prol da população com um trabalho sócio educativo, que automaticamente resultará em menor quantitativos nos postos de saúde e consequentemente uma melhor qualidade de vida para milhares de famílias, mais tudo isso é educação e saúde andando casadas e com mesmo objetivo”, pontuou a presidente do SindsaúdeBa, Ivanilda Brito.

Na terceira reunião da Sala Estadual de Coordenação e Controle de Aedes Aegypti, o dialogo é importante. “Represento o Conselho Estadual de Saúde no comitê e sendo presidente do sindicato de profissionais de saúde temos essa preocupação com a saúde da população baiana no combate que traz sequelas graves”, falou Ivanilda.

Arboviroses, nome complexo e nunca ouvido pela população, agora após vários surtos nos últimos anos da zika vírus, febre Chikungunya e febre amarela, a ARBOVIROSES, doenças causadas pelos chamados arbovírus engloba todos aqueles transmitidos por artrópodes, ou seja, insetos e aracnídeos, como aranhas e carrapatos. Entra para vocabulário das famílias brasileiras, em especial na Bahia.

Como atuamos com servidores públicos do Estado da Bahia atuando em diversas áreas de riscos, com base em parâmetros já estudados uma ação educativa esta prevista.  “A estratégia  visa subsidiar nossos servidores ativos e aposentados em se cuidarem, vamos fortalecer e apoiar a vigilância aprimorar nossas campanhas de comunicação/ divulgação internas e externas para subsidiar a todos com informações de educação e saúde, para poderem aplicar no dia a dia das suas casas, escolas, locais de trabalho e ajudar a vizinhança”, esclareceu Ivanilda.

O Conselho do DIVEP marcou para final do mês um novo encontro e novos encaminhamentos.

 

 

 

Compartilhe!

Os comentários estão encerrados.