DESTAQUES

Reajuste sairá na folha de Outubro.

Uma novela. Assim foi a luta do SindsaúdeBa e entidades sindicais que representam os funcionários públicos da Bahia, até o dia 02 de agosto, quando o governador Rui Costa assinou um acordo de reestruturação da tabela de vencimento dos auxiliares e técnicos administrativos que têm vencimentos básicos abaixo do salário mínimo.

Após uma outra luta realizada pela direção do SindsaúdeBa, a da aprovação dos deputados na assembleia legislativa, a votação saiu no dia 17 de setembro. “Essa luta nos deixou quase desmotivados, mais ou ler mensagens de apoio no celular, nas redes sociais do sindicato, nossas diretoria não desmotivamos, eu e a Aladilce fomos na base do governo pedi esse empenho até a aprovação, a comunicação usou os twitter e card pedindo nosso aumento, então quando falamos que somente juntos através desta unidade que vamos conseguir melhorar nossos direitos, acreditem essa unidade que iremos conseguir mudar nossa realidade”, pontuou Ivanilda Brito, a presidente.

O reajuste foi publicado no Diário Oficial, nesta quarta-feira, 25 de setembro de 2019, onde o aumento sairá na folha de outubro com retroativo agosto/19.

São trabalhadores (as), que há 4 anos sofrem com a defasagem salarial, aguardando ansiosos e apreensivos pela decisão e pelo Diário Oficial (DO).

O SindsaúdeBa reitera a necessidade de vigilância continua. “No momento da luta tivemos uma certeza, qual o nosso papel enquanto sindicato, direção e representantes da nossa categoria; não é fácil, a nossa luta está a cada dia mais difícil, por isso, conclamo a todos/as servidores públicos da saúde do Estado da Bahia a está do nosso lado, para que nossas pautas sejam conquistadas através desta unidade e luta por mais direitos”, desabafou a presidente Ivanilda Brito.

Compartilhe!

Os comentários estão encerrados.